Estabeleça (ou atualize) sua vontade para criar (ou atualizar) uma relação de confiança viva

Se você morrer sem testamento (sem testamento), as leis de seu estado
determinarão o destino de seus filhos menores e bens. A menos que goste
de estar à mercê de seu estado, você precisa de um testamento por escrito
para tornar seus desejos conhecidos. Os principais objetivos do testamento
são nomear:
• Um tutor para cuidar de seus filhos menores (se houver) até que
atinjam a idade adulta, e
• Um executor, que pagará os impostos do espólio e quaisquer outras
contas e, em seguida, entregará o que restar aos seus herdeiros e
beneficiários de caridade.
Um testamento também especifica quais beneficiários (incluindo familiares,
amigos, funcionários e instituições de caridade) devem receber quais ativos.
Para aqueles com ativos significativos, uma relação de confiança viva pode
ser uma ferramenta eficaz para ajudar a evitar inventário. Funciona da
seguinte maneira: você estabelece o trust e transfere a propriedade legal
dos ativos para os quais deseja evitar a homologação, como sua casa
principal e sua propriedade de férias.
Você também deve ter um chamado “testamento para derramar”. Esse
documento estipula que os ativos, que não são oficialmente propriedade do
trust, ainda pertencem ao seu guarda-chuva. Os exemplos podem incluir
veículos, tapetes persas valiosos, coleções de moedas e joias. https://www.premiumimoveisgramado.com.br/